Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

A Crise acabou! Aleluia!!

jfd, 11.01.11

 

 

O primeiro-ministro, José Sócrates, anunciou esta terça-feira que o défice de 2010 vai ficar “claramente” abaixo dos 7,3% previstos inicialmente pelo Executivo, tendo sido apurada uma folga na execução orçamental do ano passado de cerca de 800 milhões de euros.

No Orçamento do Estado o Governo português antevia uma queda no défice do ano passado para 7,3% do PIB, abaixo dos 9,3% verificados em 2009. Para este ano as previsões apontam para uma descida do desequilíbrio orçamental para 4,6% do PIB.

O chefe do Executivo anunciou também aos jornalistas os resultados preliminares de três das principais áreas da execução orçamental.

No subsector estado a despesa aumentou 1,7% em 2010, quando as previsões apontavam para um aumento de 2,5%, tendo Sócrates salientado “a redução de despesa muito significativa” face ao que estava previsto. No lado das receitas, o crescimento, tendo em conta os números preliminares, foi de 5,3% em 2010, o que compara com as previsões de uma subida de 4,5%.

Por último, o saldo da Segurança Social “constituiu uma agradável surpresa”, situando-se acima dos 720 milhões de euros, quando a previsão apontava para um saldo de 605 milhões de euros.

Assinalando que estes são dados provisórios e falta ainda apurar os resultados de outros subsectores, o primeiro-ministro adiantou que nestas três áreas “temos folga de 800 milhões de euros, ou seja, 0,5% do PIB”.

São dados que superam as nossas expectativas”, disse Sócrates, lembrando que o “apuramento final não está ainda feito”, mas representam “números reveladores”.

O primeiro-ministro afirmou que estes três dados dão “claramente a ideia de que o Estado vai não só “cumprir, como vai ficar claramente abaixo desse valor” de 7,3% do PIB, quando o valor do défice de 2010 for finalmente apurado.

 

Estava eu a ouvir o Primeiro na rádio e senti-me n'A Guerra dos Mundos em que a rádio me transportaria para uma realidade alternativa.

Mas rapidamente coloquei os pés no chão e me recordei do tal tango, aquele muito falado e criticado e que terá estes números como resultado.

Mas este pavão rei dos média vem agora fazer anúncio de todo o esforço feito por si e plo seu Ministro das Finanças.

Não deixo de dizer o que sempre disse. Sócrates é genial. Pela forma como anunciou os números, pela forma como tratou os jornalistas (com o maior desprezo e nojo possível! ó serzinho arrogantemente agradável) e pela forma com que escudou os resultado à prova de ataque pela oposição em prol do grande designio que é o interesse nacional.  G E N I A L.

Ó mundo injusto.

 

Afinal a crise não acabou. Bolas!

 

 

 

 

 

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.