Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

Caro Vasco

Miguel Nunes Silva, 20.09.10

 

 

 

Este é o mesmo argumento simplista que faziam quando eu falava de MFL.

 

Será que ninguém é capaz de compreender que uma política sem sonhos é uma política gestora com responsabilidade?!

 

O 'caminho possivel' era e é sairmos do buraco aonde nos metemos. ESTA é a política! Se querem os choques tecnológicos e os estados gerais que reflectem muito e criativamente concebem a receita para as maleitas nacionais através de mais obesidade governamental, então votem PS como têm feito nas últimas décadas.

 

A crítica às politicas do governo tinha em si implícita a política de fazer o contrário: de não incorrer em mais dívida, de não querer 'transformar' Portugal, de apenas querer criar sustentabilidade para o pouco que já temos antes de entrar em mais projectos megalómanos.

 

Eu sei que não é muito sexy prometer apenas sustentabilidade. Mas tal promessa afirma-se tão grande, tão ambiciosa e tão longínqua nos dias que correm, que qualquer um que a faça honestamente só pode ser um louco patriótico über-responsável, i.e. o perfil que - chamem-me louco - eu quero no meu PM !!!!!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.