Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

Eu gostava de ser...

Tiago Sousa Dias, 08.03.09

 

Numa altura em que se fala tão mal da classe politica com escandalos de corrupção, dúvidas sobre as licenciaturas dos dirigentes politicos, dizeres menos dignos em plena AR, faz ainda mais sentido repensar o porquê de estarmos na politica.

 

Todos teremos sonhos substanciais. Já aqui falei da quarta República. É o meu sonho. Gostava de viver num país mais justo onde o mérito fosse recompensado e a maldade engaiolada.

 

Mas também todos, os novos, temos um futuro em vista.

 

Já quis ser bombeiro, rocker, tenista, psicólogo e mais recentemente advogado. Hoje acho que é cada vez mais dificil dizer o que quero ser. Apenas sei que quero ter uma história para ser lembrado.

 

É esse, aliás, o propósito de vida dos índigenas australianos. Fazer a sua história e conta-la no fim.

 

É isso que quero ser. Lembrado. E vocês?

2 comentários

  • Imagem de perfil

    jfd 09.03.2009

    Fernando Pessoa tem uma frase adequada aquilo que o jfd diz quando afirma que não os consegue identificar:

    O que vemos, não é o que vemos, senão o que somos


    Querias tu meu caro, querias tu.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.