Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

Para onde vai o meu dinheiro?

Paulo Colaço, 11.01.07


Um artigo de Rita Nave Pedro

 

A oposição uniu-se em peso contra o Governo em relação ao aumento generalizado do preço dos bens essenciais.

Do lado do Governo salienta-se que numa economia de mercado a generalidade dos preços não pode ser fixada administrativamente ignorando os custos, e o papel do Estado é o de regular, defender o consumidor e assegurar os interesses dos mais desfavorecidos.

A oposição critica esta prática enumerando que:

- Portugal deve promover o seu desenvolvimento com base numa política que tenha como objectivo responder às necessidades dos trabalhadores, da população e do país.

- É imperativo travar o aumento dos preços, procurando uma mais justa distribuição dos rendimentos, e assegurando serviços públicos de qualidade.

- A economia portuguesa está deprimida face à pressão fiscal.

Portugal, na minha opinião, é um “quase paraíso fiscal” e a luta que é travada no combate à fraude e evasão fiscal apanha aranhas e deixa fugir os pássaros!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.