Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

Da Praça do Município ao Largo do Rato são 8 minutos (com motorista)

Essi Silva, 30.01.13
Falava-se que Pedro Santana Lopes era um boémio. Que não perdia uma Moda Lisboa. Que gastava dinheiro a rodos em projectos para a cidade. 
Pois é, mas se Pedro Santana Lopes pensava na cidade e os seus projectos trouxeram uma qualidade substancial à cidade; os de António Costa nem por isso. 

Desde rotundas experimentais (sem sistema de escoamento de águas) que teimosamente decidiu implementar, aos 350.000€ que se destinaram à Moda Lisboa, o Município da capital parece nadar em dinheiro. 

O impulso esbanjador de Costa não é novo. Mas é irónico, que no dia em que, mais uma vez, se candidata a Lisboa fale de tudo menos de...Lisboa. 

Pois é. Afinal de contas, os residentes e os não residentes nestes dois mandatos o que têm visto de novo e de positivo na cidade?!
Ah sim...para mim foi a Fonte Luminosa. A cuja inauguração o Presidente se atrasou mais de meia-hora...

E acham mesmo que um mau presidente de município, pode ser um bom líder de um dos maiores partidos e maior responsabilidade nos desígnios da nação? 
Quando nem da sua cidade lhe interessa falar? 

Pois....Costa anda à procura é duma oportunidade de destaque. Daí contradizer-se tanto. 
Nem todos têm qualidade para governarem uma cidade, quanto mais um país.  

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.