Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

PSICOLARANJA

O lado paranóico da política

Cinismos

Rui C Pinto, 04.07.12

A polémica em torno da licenciatura de Miguel Relvas promete durar por muitas semanas. Há muitos portugueses indignados. A típica inveja portuguesa, já se sabe... Um indivíduo (com um cv invejável) consegue negociar condições bestiais para ver reconhecidas as suas competências por uma instituição de ensino superior. Perante o sucesso inusitado do seu espírito empreendedor, surge um coro de críticos embriagados no profundo ressentimento das suas parcas qualificações. Nada de novo. Repete-se o efeito que consumiu Sócrates e o seu notável sucesso académico e a sua evidente fluência em Inglês.

 

Os portugueses devem ultrapassar o seu cinismo e ver nestes casos de sucesso uma janela de oportunidade. Quantas mulheres portuguesas, cuja vida foi dedicada aos cuidados dos filhos e à gestão do orçamento familiar, mereceriam ver as suas competências reconhecidas ao nível de uma licenciatura em Ciências da Educação e um mestrado em Gestão e Finanças?

 

Quanto trolha não veria o seu mérito reconhecido em Engenharia Civil; quanto electricista veria a sua mestria certificada com um diploma em Engenharia Electrotécnica? Se é o seu caso, enderece a sua candidatura à Universidade Lusófona. Negoceie uma Licenciatura num ano, ou um mestrado num semestre. Se não lhe for dada a oportunidade, então sim!, estaremos perante um escândalo que nos merecerá a indignação a todos. 

 

Publicado, em simultâneo, aqui

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Rui C Pinto 04.07.2012

    ??????????

    Você percebeu que este post é uma crítica à forma como Miguel Relvas "adquiriu" uma licenciatura?

    É que estou com a sensação que não percebeu e agora está a dar tiros no escuro.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.