Domingo, 29 de Abril de 2012
A independência da Madeira

O tabu foi quebrado

 

É um tabu, o da independência, que se alimenta de recorrentes insinuações por parte dos políticos da região. Não surpreende, por isso, que o tabu seja quebrado por uma juventude partidária. Surpreende ainda menos que seja quebrado pela JSD, que pauta tantas vezes a sua intervenção política pela irreverência de opinião. 

 

As declarações de José Pedro Pereira, presidente da JSD Madeira, citadas pelo Público não me causam sobressalto. O que a mim preocupa é que um dirigente político da Juventude Social Democrata confunda buscas no âmbito de uma investigação criminal ao governo de Alberto João Jardim com um "ataque" aos madeirenses. 

 

De facto, os madeirenses têm toda a razão para se revoltarem. Não é, porém, contra o continente que o devem fazer mas contra os medíocres quadros políticos que os representam. Se as juventudes partidárias representam uma esperança para o futuro de um país, região ou cidade, José Pedro Pereira é um presságio aterrador... A JSD Madeira e os jovens madeirenses merecem muito melhor. 



uma psicose de Rui C Pinto às 23:17
link directo | psicomentar | psicomentaram (2)

Quarta-feira, 25 de Abril de 2012
Fascismo nunca mais!

"Por considerar que, nas atuais condições, a Assembleia da República não representará efetivamente os portugueses, queremos aqui proclamar que o povo português, verdadeira e única fonte de soberania, não concede a essa Assembleia da República (...) o poder de entregar a soberania nacional, tendo, ao contrário, o dever e a responsabilidade de se opor firmemente a tais desígnios", por Vasco Lourenço.

 

Estranha noção de democracia a de um capitão de Abril... É caso para dizer, Vasco Lourenço vá bardamerda.

 

 

 

 

 



uma psicose de Rui C Pinto às 19:46
link directo | psicomentar | psicomentaram (7)

Terça-feira, 24 de Abril de 2012
Miguel Portas

  

Morreu Miguel Portas

Morreu hoje, cerca das 18h, em Antuérpia, na Bélgica, o eurodeputado Miguel Portas. O fundador do Bloco de Esquerda não resistiu ao cancro. A sua vida dividiu-se entre o jornalismo e a poltica. Fazia 54 anos na próxima semana.



Expresso



uma psicose de Guilherme Diaz-Bérrio às 21:33
link directo | psicomentar | psicomentaram (1)

Segunda-feira, 23 de Abril de 2012
Grande exemplo de França

 

Ontem foi de eleições presidenciais na França. Sarkozy depois de um mandato polémico, ele próprio polémico, enfrentou uma primeira volta pulverizada de candidatos. É este o principal destaque que realço. 

 

Que grande exemplo é uma corrida a vários numa primeira volta de Presidenciais. Quem entender que deve ser candidato a assumir-se. Os Partidos podem tomar posição, com a total liberdade que se lhes reconhece, mas a decisão de avançar deve ser pessoal e deve ser encarada com entusiasmo. Democracia é avançar quando se acredita em algo. 

 

Ver uma primeira volta com estas votações é um claro sinal de vitalidade. E um sinal para muitos. O voto em Marine Le Pen deve ser escutado e percebido. É um enorme resultado para um partido de extrema-direita, bem no coração da Europa. A crise diz muito desse resultado, mas cuidado. Muitos outros movimentos bem conhecidos começaram assim... 

 

Agora vêm aí os tempos de política pura. Será interessante ver como Sarkozy irá cativar o eleitorado de Le Pen, não perdendo o seu e indo buscar mais ao centro e à esquerda. Um trapézio complexo. 

 

Pela esquerda, lá teremos a euforia por estas bandas para o Rato a sonhar com o mesmo de França, em que até um candidato fraco como Hollande pode chegar à vitória... De facto, Seguro ganha um balão de sonho. 

 

Fica o meu desejo para as próximas presidenciais, com uma eleição disputada e renhida em Portugal, em que diferentes visões se cheguem à frente e digam ao que vêm. Já chega do mesmo estilo e dos mesmos padrões de sempre. Inovemos também em política. 



uma psicose de Diogo Agostinho às 08:30
link directo | psicomentar | psicomentaram (4)

Quarta-feira, 18 de Abril de 2012
Imbecilidades que já nem divertem...

Partidos prometem não deixar 'cair' criminalização do enriquecimento ilícito.



uma psicose de Rui C Pinto às 21:41
link directo | psicomentar | psicomentaram (6)

Domingo, 15 de Abril de 2012
O Bloco de Direita

Na senda dos últimos dois posts do Ricardo, imbuí-me do espírito libertário de luta contra a limitação e castração das liberdades. Estas coisas contagiam. 

 

Recordei-me, imediatamente, do recente debate em Portugal sobre a adopção de crianças por casais homossexuais que acompanhou a votação na Assembleia da República. Durante várias semanas vi defender o superior interesse da criança contra o nefasto ambiente de uma família diferente... Neste assunto, a bitola do Bloco de Direita (de futuro refiro-me ao Bloco de Direita como um agregado à la Bloco de Esquerda de povo de direita que se mobiliza em torno de causas), prende-se com a necessidade de regulação. Já no que toca a evitar que as crianças sofram o efeito nocivo dos hábitos auto-destrutivos dos papás, o estado que se mantenha longe disso que os pais lá sabem o que é melhor para os filhos! 

 

A moral desta história é muito simples e toda a gente a conhece. A sociedade é um emaranhado de grupos que pretendem fazer valer os seus interesses sobre os demais, através do Estado. E, neste sentido, o Bloco de Direita não é diferente do Bloco de Esquerda.



uma psicose de Rui C Pinto às 19:25
link directo | psicomentar | psicomentaram (23)

Brigada de Vícios Sexuais

Se em Portugal, o Intervencionismo vai de vento em popa, no estrangeiro vão muito à nossa frente.

 

Na Ucrânia, Natalia Korolevska tem um projecto de lei para proibir a Posição de Missionário (españolenglishespañol2, español3).

 

Típica mentalidade intervencionista: se a natalidade é baixa e a posição "canzarra" é "mais produtiva" que a "missionário", então proíba-se uma e promova-se a outra.

 

Fica por adiantar o que acontece caso alguém seja apanhado a fazer oral. Será que será obrigado a fazer o obrigatório de seguida?

 

Para quando alguém, digamos, Assunção Cristas, trazer esta novidade progressista para o nosso cantinho?!?

 

 

PS: Por favor alguém verifique a veracidade desta proposta. É difícil ler Ucraniano e estas fontes...
Espero bem que seja tudo baseado em sites tipo Inimigo Público.

Se bem que, se é esse o caso, é uma história bem criada, pois consigo imaginar muita gente a defender propostas deste calibre.

 

PS2: Evitem comentários sobre a deputada.

E sobre o modo como ela segura o microfone.

Vá, sejam simpáticos =) 



uma psicose de Ricardo Campelo de Magalhães às 18:30
link directo | psicomentar | psicomentaram (2)

Quinta-feira, 12 de Abril de 2012
Brigada de Vícios Automóveis

Fumar no carro com crianças vai ser proibido

 

O Governo quer proibir o consumo de tabaco nos veículos em que viajem crianças. A medida foi anunciada ontem no Parlamento pelo ministro da Saúde.

"Temos a intenção de restringir o fumo do tabaco em espaços fechados, nomeadamente em veículos fechados, quando transportem crianças", garantiu Paulo Macedo, sem adiantar quando nem de que forma é que esta medida será implementada, nem os moldes em que será feita a sua fiscalização. Contactado pelo CM, o gabinete do ministro não esclareceu a que idade das crianças se referiu Paulo Macedo e respondeu apenas que, para mais pormenores, se deve aguardar "a apresentação do diploma que está a ser preparado".
No âmbito da revisão da legislação sobre o tabaco, em vigor há quatro anos, Paulo Macedo acrescentou que está prevista a introdução de "anúncios explícitos nas embalagens de tabaco sobre os seus efeitos na saúde", medida que vem complementar a limitação dos postos de venda, que poderá passar pelo fim das máquinas automáticas.


No centro da discussão no Parlamento esteve também o encerramento da Maternidade Alfredo da Costa (MAC), em Lisboa, um dia após o protesto que reuniu duas mil pessoas junto à instituição. "A haver uma crónica de morte anunciada, ela vem desde 2005, quando se reconheceu que tecnicamente um hospital monovalente não tem razão de existir", disse Paulo Macedo, acrescentando que "a MAC não faz seis mil partos anuais, mas sim três mil. Os casos de maior risco já vão para a Maternidade Magalhães Coutinho, inserida no Hospital D. Estefânia".
O ministro da Saúde garantiu ainda que a existência de nove maternidades públicas em Lisboa coloca em risco os 1500 partos necessários para a classificação de maternidade no Hospital de Santa Maria, colocando assim em perigo esta valência.

 

PROIBIDA VENDA DE ÁLCOOL EM POSTOS DE COMBUSTÍVEIS
O consumo e a venda de álcool serão proibidos em postos de combustíveis e após a meia--noite em qualquer estabelecimento que não seja de restauração e bebidas, segundo uma proposta de alteração à lei do álcool, que prevê ainda o aumento da idade mínima para a compra de álcool dos 16 para os 18 anos. Segundo o secretário de Estado da Saúde, Leal da Costa, "os jovens não vão consumir em bares mas acabam por ter acesso a álcool e estar em festa em sítios que perigam a sua segurança".

Eu não fumo nem tão pouco bebo alcool. No entanto esta medida parece-me "nanny state" a mais. Achará Paulo Macedo que o principal problema da saúde em Portugal é este? Recomendo ao excelente gestor que volte à gestão e trate de reduzir o défice monstruoso que Sócrates lhe deixou de prenda, esse sim um problema que merece a sua maior atenção.

Quanto às criancinhas, confie no povo que o colocou onde ele está: qualquer pai responsável já o evita e não é esta alteração ao Código da Estrada que vai instruir quem não tem este cuidado.

 

Uma nota final sobre a Maternidade Alfredo da Costa: acho estranho que a racionalização dos meios passe pelo fecho daquela instituição. Fechar uma instituição especializada onde claramente não faltam clientes... Espero sinceramente que sejam disponibilizados publicamente os dados que justificam tal medida, que apoiarei (apenas) no caso de os números realmente substanciarem essa opção que me parece contra-natura.



uma psicose de Ricardo Campelo de Magalhães às 22:10
link directo | psicomentar | psicomentaram (5)

Terça-feira, 10 de Abril de 2012
Universidade de Verão

 

Em 2012 a Universidade Verão do PSD fará a sua 10º Edição. Um projecto que começa em 2003, com uma "irritação do então presidente do partido, Durão Barroso" que se tornou num local de formação de quadros e no evento que marca a reentré do PSD no ano político.

 

No ano de 2012, a nossa UV aproximar-se-á da cifra histórica dos 1000 alunos. Ao longo destes anos, cerca de 600 horas de formação multidisciplinar apetrecharam os jovens alunos da UV com ferramentas políticas de qualidade, permitindo-lhes desenvolver uma acção política mais consciente, mais persistente e sobretudo mais informada.

 

A consagração do espaço político-formativo da UV dá-se todos os dias, em todas as localidades, órgãos e assembleias onde a voz dos Uvianos se faça sentir, materializando-se em críticas sensatas, mas também e sobretudo em propostas construtivas, facilitadoras de um melhor amanhã para todos.

 

Celebrar este aniversário da Universidade de Verão é um devido e merecido gesto de reconhecimento pelo trabalho de todos aqueles que a tornaram possível, com o Magnífico Reitor, Carlos Coelho, à cabeça.

 

Um grupo de Uvianos no Norte, em consonância com a Secção de Braga da JSD, decidiu colaborar com as comemorações do aniversário da UV, convocando para dia 28 de Abril, em Braga, um jantar festivo que evocará as memórias desta década de sucessos.

Por tudo o que lhe devemos, por tudo aquilo que passamos, pela amizade que mantemos, fica aqui o convite a que participes neste momento único da UV que, obviamente, só fará sentido se a ele nos juntarmos.

 

Para quem fez parte de alguma das últimas 9 edições desta Universidade, ficam os dados para a inscrição. 

 

Mandem um mail para a organização com o ano da UV a que pertencem, e respectivo grupo.

 

Informações:

Local – Restaurante “Costa”, Rua de S. Sebastião, Frossos, Braga

(Coordenadas GPS: N41º33'46.2'' W008º26'59.0'')

 

Convidados: Carlos Coelho, Duarte Marques, Pedro Rodrigues, Daniel Fangueiro e Jorge Nuno Sá.

Preço: 14€/pessoa

 

Programa:

20h00 – Recepção

20h30 – Jantar

22h00 – Evento Surpresa

23h30 – Festa na Discoteca “Sardinha Biba” em Braga.

 

 

Confirmações (até ao dia 25/4):

Tlm. 916948388; email: silvapereira.ruimanuel@gmail.com

Tlm. 916927297; email: valeriodossantos@sapo.pt



uma psicose de Guilherme Diaz-Bérrio às 13:07
link directo | psicomentar | psicomentaram (8)

II Jornadas Pedagógicas da FEUP

Decorrem nos dias 11, 12 e 13 de Abril de 2012 as II Jornadas Pedagógicas organizadas pela AEFEUP - Associação de Estudantes da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto.

 

No dia 11 de Abril, às 14:30, o André Azevedo Alves (O Insurgente) será um dos participantes num debate sobre Acção Social Escolar com José Soeiro (Sociólogo e membro da comissão política do Bloco de Esquerda) e José Carvalho (Administrador dos SASUP) e moderação de Eduardo Vitor Rodrigues (Professor da FLUP).

 

Logo a seguir, às 17:00, eu serei um dos participantes num debate sobre o Financiamento do ensino superior com Sandra Monteiro (Directora da edição Portuguesa do “Le Monde Diplomatique”) e Tiago Vieira (Presidente da FMJD e dirigente do PCP), com moderação de Luísa Cerdeira (Pró-reitora da Universidade de Lisboa).

 

Se querem ter uma ideia do que eu irei apresentar, eu vou falar de improviso mas certamente terei em consideração as propostas da JSD e a minha pesquisa sobre o tópico.

 

O programa completo pode ser visualizado aqui.



uma psicose de Ricardo Campelo de Magalhães às 11:55
link directo | psicomentar

Quinta-feira, 5 de Abril de 2012
E onde anda o Zé que tanta falta nos fazia?

 

E hoje abriu o que restava do Túnel do Marquês. Pois é! Tantos anos, tanta história, tantos embargos e hoje o túnel fica completo para a António Aguiar. Para existir a circulação que faltava desta obra benéfica a Lisboa...

 

E onde anda o grande Zé? O nosso homem dos embargos? Está tudo bem com ele? Esta semana não está fa ser ácil para o senhor, a julgar pela decisão do tribunal sobre o Parque Mayer e Entrecampos...

 

O Zé de facto fazia imensa falta a Lisboa... mas domesticado e caladinho!



uma psicose de Diogo Agostinho às 12:50
link directo | psicomentar | psicomentaram (2)

Terça-feira, 3 de Abril de 2012
Coisas engraçadas vindas do "Largo do Rato"

 

António José Seguro manifestou-se nesta segunda-feira indignado com o “ataque vil e miserável” de que diz ter sido alvo por parte de Marcelo Rebelo de Sousa. 

Público

 

 Goste-se ou não de Marcelo Rebelo de Sousa, ou da sua opinião, confesso que tem a sua piada ver o actual Secretário Geral do PS, lider da oposição, a dar atenção e justificações a um homem que, no final do dia, é comentador político.

 

O Largo do Rato anda assim tão "desnorteado"?



uma psicose de Guilherme Diaz-Bérrio às 14:33
link directo | psicomentar | psicomentaram (3)

Notícias
Psico-Social

Psico-Destaques
Psicóticos
Arquivo

Leituras
tags
Subscrever feeds
Disclaimer
1- As declarações aqui pres-tadas são da exclusiva respon-sabilidade do respectivo autor.
2 - O Psicolaranja não se responsabiliza pelas declarações de terceiros produzidas neste espaço de debate.
3 - Quaisquer declarações produzidas que constituam ou possam constituir crime de qualquer natureza ou que, por qualquer motivo, possam ser consideradas ofensivas ao bom nome ou integridade de alguém pertencente ou não a este Blog são da exclusiva responsabilida-de de quem as produz, reser-vando-se o Conselho Editorial do Psicolaranja o direito de eliminar o comentário no caso de tais declarações se traduzirem por si só ou por indiciação, na prática de um ilícito criminal ou de outra natureza.