Quarta-feira, 30 de Abril de 2008
Patinha... na poça!

Press Release de Patinha Antão:

O candidato vencedor na eleição de 31 de Maio deve comprometer-se desde já a criar um Conselho de Assuntos do Governo em que terão obrigatoriamente assento todos os demais candidatos.
(...) Não é por acaso que, no Reino Unido, os líderes políticos, uma vez eleitos, não são objecto de guerrilhas internas movidas por candidatos que perderam. É que, candidato que fique em 2º, passa a ser o nº 2 do Partido, o que fique em 3º, passa a ser o nº 3, se tiverem obtido votações expressivas.
Eu gostaria de ver este tipo de regra implantado já no PSD
.

Já todos sabemos os verdadeiros motivos desta candidatura, certo?


uma psicose de Paulo Colaço às 15:53
link directo | psicomentar | psicomentaram (18)

Segunda-feira, 28 de Abril de 2008
Homenagem aos vencidos da vida de Abril
Despondency

"Deixá-la ir, a ave, a quem roubaram

Ninho e filhos e tudo, sem piedade...

Que a leve o ar sem fim da soledade

Onde as asas partidas a levaram...



Deixá-la ir, a vela que arrojaram

Os tufões pelo mar, na escuridade,

Quando a noite surgiu da imensidade,

Quando os ventos do Sul se levantaram...



Deixá-la ir, a alma lastimosa,

Que perdeu fé e paz e confiança,

À morte queda, à morte silenciosa...



Deixá-la ir, a nota desprendida

Dum canto extremo... e a última esperança...

E a vida... e o amor... deixá-la ir, a vida!"

de Antero de Quental

Serei eu o único a achar que (infelizmente) Abril jamais se cumprirá enquanto a geração dos nossos pais por cá andar?!

uma psicose de Paulo Colaço às 21:28
link directo | psicomentar | psicomentaram (10)

Diário de Bruxelas 2


Depois do primeiro relato sobre o estágio que estamos a fazer aqui no Parlamento Europeu, aqui vai mais uma posta, desta feita, de carácter mais aprofundado ao trabalho sobre o qual me tenho debruçado e realçando apenas 3 dossiers:

- PME´s - Foi aprovado, na mini-plenária de Abril, uma proposta da Comissão que visa apoiar as PME´s que desenvolvam I&D. É sempre positivo o apoio às PME´s que representam (pasme-se) 99,8% do tecido empresarial Europeu e empregam cerca de 100Milhões de trabalhadores. Em termos relativos, as percentagens para Portugal são semelhantes, mas não deixo de verificar que, sendo que o conceito de PME´s que desenvolvem I&D é enquadrável apenas naquele núcleo de empresas que utilisa 10% ou mais dos seus recursos a essa actividade, a verdade é que as empresas que beneficiam desta medida são precisamente as que não precisam porque já têm a sua situação financeira consolidada. Ficou assim a advertência, do Eurodeputado Dr. Silva Peneda, que ainda chamou a atenção para o facto de ser cada vez mais urgente o apoio aos projectos no modo "Start Ups"

- GNSS - O Jorge gostará desta. Foi finalmente concluído o processo legislativo relativo ao Galileo, que rivaliza com o Glasnoss Russo e GPS Americano. Ficaram alguns reparos vindos da esquerda europeia que criticou o facto de não se ter proibido o uso para fins militares. Eu pergunto: Porque não? Só por demagogia.

- Zimbabwe - Fiquei um pouco decepcionado com o debate sobre o Zimbabwe. Houve imensa informação errada a encher os media pelo Mundo fora. Uns diziam que o Barco chinês (An Yue Jiang) já tinha atracado mas que os trabalhadores das docas não descarregaram as armas; outros afirmavam que o Barco estava de regresso à China. Pelo meio disto corria o debate exortando-se às autoridades do Zimbabwe para libertarem os resultados acusando-se de se estar a cozinhar uma nova vitória de Mugabe. Dois dias depois saem os resultados provisórios com o anúncio da derrota de Mugabe...

Esta semana começo a trabalhar com mais uma comissão - TRAN - que tanta importância tem para Portugal já que envolve Transportes e Turismo.


uma psicose de Tiago Sousa Dias às 21:11
link directo | psicomentar | psicomentaram (17)

Cunha Vaz, o opinioso...
Cunha Vaz, dono de uma agência de comunicação, deu uma entrevista em que fala das suas conversas com Menezes, conselhos que lhe deu e da sua visão do contrato assinado com o PSD.

Cunha Vaz é um exemplo do tipo de pessoas que rodearam LFM.

Se quiserem perder 5 minutos da vossa vida, ouvirão mimos como:
- faria uma campanha de borla contra MFL”
- se o Dr. Aguiar Branco se candidatasse contra o Dr. Menezes, então candidatava-me eu contra o Dr. Menezes
- quais são os votos que a Dra. Manuela Ferreira Leite vai ter?

Pergunta-se: os Psicóticos e Amigos confiariam num “comunicador” tão opinioso quanto este?


uma psicose de Paulo Colaço às 12:23
link directo | psicomentar | psicomentaram (24)

Domingo, 27 de Abril de 2008
Não casarás

Mail que circula pêla internet:

 


«SENTENÇA PROFERIDA EM 1487 NO PROCESSO CONTRA O PRIOR DE TRANCOSO (Autos arquivados na Torre do Tombo, armário 5,maço 7)
"Padre Francisco da Costa, prior de Trancoso, de idade de sessenta e dois anos, será degredado de suas ordens e arrastado pelas ruas públicas nos rabos dos cavalos, esquartejado o seu corpo e postos os quartos, cabeça e mãos em diferentes distritos, pelo crime que foi arguido e que ele mesmo não contrariou, sendo acusado de ter dormido com vinte e nove afilhadas e tendo delas noventa e sete filhas e trinta e sete filhos; de cinco irmãs teve dezoito filhas; de nove comadres trinta e oito filhos e dezoito filhas; de sete amas teve vinte e nove filhos e cinco filhas; de duas escravas teve vinte e um filhos e sete filhas; dormiu com uma tia, chamada Ana da Cunha, de quem teve três filhas, da própria mãe teve dois filhos.
Total: duzentos e noventa e nove, sendo duzentos e catorze do sexo feminino e oitenta e cinco do sexo masculino, tendo concebido em cinquenta e três mulheres".
(...)
"El-Rei D. João II lhe perdoou a morte e o mandou por em liberdade aos dezassete dias do mês de Março de 1487, com o fundamento de ajudar a povoar aquela região da Beira Alta, tão despovoada ao tempo e guardar no Real Arquivo esta sentença, devassa e mais papéis que formaram o processo"»

 

 

No filme de 1991 Zandalee, Nicolas Cage faz uma pergunta que me marcou muito mais do que outras cenas, qui sait mais apelativas, do filme:

 

 

"Why is it that the Baptist have all the women and no booze and the Catholics have all the booze and no women?"

 

 

Afinal, qual é o motivo que ainda hoje justifica que os sacerdotes católicos devam passar toda a sua vida afastados do modelo de vida que pregam para todos os outros?

 

 

Ainda por cima vários casos são conhecidos de quem, de uma forma ou de outra, violou esta imposição, e que não se tornaram menos amados (ou menos Padres) por causa disso. A omnipresença da falta de sentido desta ideia é quase irónica.

 

 

Será que Deus é um amante assim tão ciumento?


uma psicose de José Pedro Salgado às 22:35
link directo | psicomentar | psicomentaram (9)

Sábado, 26 de Abril de 2008
A queda de uma estrela

Muitas pessoas vivem da fama, fortuna e da aparência social.

No nosso país é o pão nosso de cada dia.

Aparecem em revistas, são convidadas para festas sociais, e deliciam os telespectadores.

Normalmente tratam-se de pivots televisivos, relações publicas, actores, cantores, jogadores da bola, entre outros......

Mas a fama dura pouco e depois do estrelato sentem-se sozinhas, sem saber o que fazer e muitas vezes caem em depressões que os levam a procurar ajuda....

Quem é uma verdadeira estrela?

O que faz de uma pessoa uma "super star"?

Não será a altura de deixar de dar importância a estas pessoas?


uma psicose de Francisco Castelo Branco às 00:57
link directo | psicomentar | psicomentaram (13)

Quarta-feira, 23 de Abril de 2008
Vira-Casacas


"Some men change their party for the sake of their principles; others their principles for the sake of their party." - Sir Winston Churchill

Quando inicialmente nos filíamos numa instituição, seja num partido ou num clube de futebol, fazêmo-lo porque a identificamos enquanto uma certa extensão da nossa personalidade.

"Eu sou de direita, vou militar no partido X porque é o que defende aquilo em que acredito" é a lógica inicial.

Mas esta lógica sofre uma perversão muito grande que, de antiga que seja, é hoje particularmente acentuada, sendo de sublinhar dois fenómenos:

- por um lado vêmos o regresso dos partidos de ideais, que tendo uma ideologia mais fechada são dirigidos essencialmente a sectores muito específicos da sociedade (os "pequenos" partidos que andam a surgir que nem cogumelos);

- por outro lado assistimos a uma certa "abertura ideológica" dos partidos de eleitores, cujas ideologias (não obstante vincadas) permitem orientações de uma diversidade que quem define o partido é quem o governa - são as chamadas "alas".

Assim, as perguntas são: Até que ponto é que devo defender a instituição à qual estou associado? Qual é o limite a partir do qual devo bater com a porta?

Como dizia Tony Blair num vídeo já postado neste blog, em que enfrentava John Major no Parlamento inglês: "The difference, ladies and gentlemen, is that I lead my party; he follows his."



uma psicose de José Pedro Salgado às 19:02
link directo | psicomentar | psicomentaram (10)

Até ao lavar dos cestos é vindima...
Alberto João Jardim pondera avançar para a liderança do PSD.
Fala-se no apoio das distritais de Braga, Porto e Lisboa.

E Santana também avançará?
Esperemos pelo Conselho Nacional de hoje.

uma psicose de Margarida Balseiro Lopes às 16:44
link directo | psicomentar | psicomentaram (86)

(In)Segurança Social

Ontem foram apresentadas as propostas de alteração ao Código do Trabalho. De nota, para mim, ficou a utilização da Segurança Social como instrumento de politica económica e combate à precariedade laboral: contratos sem termo têm um desagravamento na Taxa Social Única, ao passo que contratos com termo – ditos precários – são agravados na percentagem da contribuição.

Será esta uma reforma de fundo?
O chavão da “precariedade” afecta maioritariamente os jovens: da população portuguesa empregada apenas 22% tem contratos a termo, mas quase metade desses contratos são trabalhadores com menos de 30 anos. É aqui que as empresas irão pagar mais segurança social, mas será que será este o mecanismo que irá fazer com que as empresas comecem a contratar jovens sem termo?

E não estaremos a esconder a verdadeira reforma essencial para o jovem trabalhador português: a da Segurança Social?
A actual proposta para o novo Código do Trabalho traduz-se num aumento efectivo de tributação sobre os jovens, pois essa é a grande fatia dos contratos a termo. Mesmo que essa não seja a intenção – algo que pessoalmente duvido dado o 'historial orçamental' deste executivo – a verdade é que a taxa social única é um imposto e agravar-se-á se a proposta for para a frente.

Um jovem que ganhe a média nacional – 750 euros por mês – contribui com 350 euros todos os meses, para a segurança social. O curioso é que se guardassem esse dinheiro todos os meses num sistema simples de capitalização que vos rendesse 5 por cento, ao fim de 40 anos tinham pouco menos de 750 mil euros para a vossa reforma. Isto significa uma reforma de mais de 3000 euros até aos 85 anos. Ainda mais curioso é que estou a assumir nas contas que não foram aumentados uma única vez na vossa vida laboral, algo muito improvável.

Então o que preocupará mais um jovem “trabalhador precário”: não ter um contrato para o resto da vida ou perder todos os meses mais de um terço do seu (baixo) ordenado para financiar um “esquema em pirâmide”, perdendo assim grande parte da sua capacidade de poupança?

Psico-Convidado: Guilherme Diaz-Bérrio



uma psicose de Paulo Colaço às 12:58
link directo | psicomentar | psicomentaram (12)

Terça-feira, 22 de Abril de 2008
Uma Árvore é um Amigo?
Hoje é o dia da Terra.
Muito mais que uma terra verde, aquecimento global, bio-combustíveis, quotas de CO2, Protocolo de Quioto, etc... Gostaria de falar de um problema crescente global...

A subida de preço dos alimentos está a causar miséria e desespero por todo o mundo.
No mundo do “1 euro por dia” famílias lutam por uma taça de arroz por dia; no mundo desenvolvido a classe média já tem grandes dificuldades em manter as três refeições mínimas diárias. Como dizia a The Economist ; uma onda de inflação alimentar passa pelo mundo, deixando pelo caminho má nutrição, Governos abalados e motins.

É este um desafio para a Globalização? Questiona o mesmo editorial. Alguns países questionam a abertura de mercado e de comercio à luz destes problemas. Os países ricos têm de financiar devidamente o Programa Alimentar Mundial (www.wfp.org), embora, sejam necessários certa de $700 milhões a mais, para distribuir a mesma quantidade de alimentos distribuída o ano passado. Tal é o impacte da subida!O grande problema aqui são as Falhas de Mercado. Vivemos numa economia aberta, numa época de capitalismo. Sim, mas não é bem assim no que toca ao sector primário! Há quotas, subsídios, controlos, apoios à exportação, acordos bilaterais, etc. de tal modo que pervertem totalmente a coisa. Claro que, ficando sempre a perder os países pobres... Isto sempre fez com que o preço do mundo fosse baixo, e não houvesse incentivo para que os agricultores dos países pobres produzissem. Agora acontece o oposto. E para encurtar uma história longa, e já discutida no post das pipocas, por causa dos subsídios para os bio-combustíveis por parte dos países ricos, os preços dispararam!
Ainda há poucos dias, a Índia cancelou a exportação de todo o tipo de arroz excepto o famoso Basmati! Isto é impensável...

Houvesse liberalização, e não restrições e quotas e etc. e tal, talvez não estivéssemos assim. Os Governos do Mundo deveriam fomentar e regulamentar a efectiva liberalização em prol de um futuro sustentável, e não ser força de bloqueio. Improvável de acontecer? Sim.
Mas nós, União Europeia, arautos de uma tão grande necessidade de tornar a Terra mais verde, o que estamos a fazer para a tornar mais Humana? Qual a nossa posição na OMC quando a nossa PAC é atacada? É caso para se dizer, em casa de ferreiro...

Que Terra é esta, em que sacrificamos metade da sua população, em prol de um conceito de Verde, de Ambiente, que se está a revelar nada humano? Quando se celebrará o dia do Homem?

uma psicose de jfd às 08:41
link directo | psicomentar | psicomentaram (13)

Segunda-feira, 21 de Abril de 2008
Uffaaaa!

"Manuela Ferreira Leite vai avançar com uma candidatura à presidência do PSD, contando com o apoio do presidente da Câmara do Porto, Rui Rio." (Sic Notícias)


uma psicose de Paulo Colaço às 19:18
link directo | psicomentar | psicomentaram (55)

Sábado, 19 de Abril de 2008
O Homem-Bomba

Filipe Menezes é o pior presidente do PSD de todos os tempos!

Hoje li declarações de LFM a chamar “mandante do terrorismo interno” a Ferreira Leite. Quando lhe pediu ajuda para derrubar Mendes e ser sua Presidente de Mesa já não achava o mesmo. Ferreira Leite não mudou em nada, a visão de LFM é que vai “evoluindo”…

Todos sabemos das críticas que LFM fez a Mendes devido ao prazo das directas. Menezes quis encurtá-los (sendo agora obrigado a recuar). De quanto tempo será a memória de Menezes? Uma semana? Dois dias? Cinco minutos?

São tantas e tão disparatadas as conferências de imprensa que o PSD de Menezes convoca que há jornais que já enviam estagiários para nos ouvir. A gota de água foi o caso Câncio.

E quando lavou as mãos no caso Somague? Onde está a solidariedade de assumir os erros do passado? Onde está o sentido de Estado?

E que dizer dos regulamentos novos? Eu sabia que o património de credibilidade estava em risco com a eleição de Menezes…

O nosso grupo parlamentar, já liderado por Santana, propôs uma mudança na gestão escolar, Menezes classificou-a de “um absurdo”. Se conhecia a proposta e não gostava, como permitiu que a apresentássemos? Se a desconhecia, que tipo de declaração foi aquela? Um puxar de tapete falhado ao líder parlamentar?

Menezes fez “carreira” para líder segundo a regra: tenho de dizer o contrário de Mendes em tudo! Tramou-se. Passado dias estava num dilema: manter o que dizia mesmo que isso significasse ter opinião igual à de Sócrates ou desdizer-se para ter elementos diferenciadores do PM. É o que acontece a quem tem opiniões baseadas em oportunismo e não em convicção.

Aconteceu isso logo na discussão do novo Tratado, em que “obrigou” o partido a mudar de opinião e defender ratificação parlamentar. Lamentável. Há défice de conhecimento europeu e o cavalheiro alinha com um PM que pretende manter as coisas assim!

Filipe Menezes terá dito que só sairia à bomba. Tinha razão. O que ninguém sabia era que a bomba era o próprio. Explodiu-se. Veremos que a insensatez chega ao ponto de o tentarem ressuscitar.


uma psicose de Paulo Colaço às 16:19
link directo | psicomentar | psicomentaram (38)

Quinta-feira, 17 de Abril de 2008
Cancioneiro

Rui Gomes da Silva é especialista em tiros no pé. A maior parte deles faz ricochete e atinge o Partido.
No “caso Fernanda Câncio”, terá disparado assim tão ao lado quanto a opinião pública faz crer?


uma psicose de Paulo Colaço às 19:37
link directo | psicomentar | psicomentaram (16)

Nos bicos dos pés...

Já não é novidade mas ele fez questão de o dizer: José Pedro Aguiar Branco é candidato (a candidato) a Presidente do PSD. Foi em entrevista à Visão que o ex-Ministro da Justiça do XVI Governo Constitucional considerou que tem possibilidades de derrotar Sócrates e mostrou-se disponível para defrontar Menezes, dando mesmo a entender estar preparado para um Congresso Extraordinário.

Depois de Pedro Passos Coelho, ter garantido que não faria guerrilha interna, eis que surge mais um militante disposto a ser solução alternativa à actual liderança laranja que é acusada por Aguiar Branco de dividir o partido por ter, por exemplo, lançado suspeitas sobre direcções anteriores e afastado deputados que não era membros da direcção.

As reacções não se fizeram esperar. A Comissão Política Nacional, através de Ribau Esteves diz que não há novidades nesta posição do advogado portuense e considera que não há razão para antecipar o calendário eleitoral interno. António Capucho, um dos opositores a Menezes que mais tem dado nas vistas ultimamente, concorda com as críticas de Aguiar Branco mas acha cedo para se pronunciar sobre um eventual apoio. Alberto João Jardim é que não deixa margem para dúvidas: “se querem que o PSD/Madeira, que é de facto o grande triunfador do PSD a nível nacional se afaste, então ponham lá esse senhor a líder”.

E o que diz o Psico?

Fontes: Rádio Renascença, Sol e Diário Digital


uma psicose de Bruno Ribeiro às 14:25
link directo | psicomentar | psicomentaram (34)

Hino ao futebol!


Foi de longe o melhor jogo da época!

São estes jogos que servem para demonstrar a paixão que o futebol desperta!

O povo precisa de futebol! Mais alguma modalidade ou algum político nos dá esta emoção?

Foi uma noite memorável!



uma psicose de Diogo Agostinho às 11:33
link directo | psicomentar | psicomentaram (38)

Quarta-feira, 16 de Abril de 2008
Vem aí o Acordo...

Um menino em Moçambique olha estupefacto para o ditado que a professora de Português acabou de corrigir. Está triste e intrigado.
A quantidade de erros de ortografia é realmente grande mas o que o intriga é como pode a “setôra” marcar-lhe erro na palavra "baptismo". Então a “setôra” de Português do ano anterior, aquela que tinha um sotaque brasileiro, não lhe ensinou a escrever batismo, assim tal qual se diz, BATISMO?
Rirem-se dele quando diz que "o pai vai tirar o caro da garrage"ainda vá que não vá, porque já aprendeu a escrever "carro" e "garagem", embora lá na terra não digam conforme se escreve, mas ser castigado por fazer o que a “setôra” lhe ensinou é que não....



A Língua Portuguesa é falada e ensinada por diferentes nacionalidades e em diferentes países. O acordo ortográfico obviará a estas discrepâncias?

O que se pretende exactamente com o Acordo Ortográfico:
dar um sentido prático à comunicação escrita? Aproximação às alterações da nossa própria realidade?

As cedências em relação ao Português do Brasil saldam-se contra nós em número de três:
O que sentem os Portugueses em relação a isso: orgulho ferido ou perda patrimonial?
Estão os professores preparados para ensinar o "novo" Português?
Com a aprovação foi contemplado dar formação profissional aos docentes?

Virá o Acordo Ortográfico alimentar o sentido de humor dos Portugueses: todos já ouvimos que antigamente farmácia se escrevia com PH e hoje? Que novas formas de humor vêm (veem) aí?

Psico-convidada: Cidália Carvalho


uma psicose de PsicoConvidado às 21:52
link directo | psicomentar | psicomentaram (27)

O peso do Tratado
O deputado socialista Manuel Alegre alertou para a perda de peso institucional do nosso país, prevista no Tratado de Lisboa. Num debate organizado pelo grupo parlamentar do PS, Alegre insurgiu-se contra a alteração de equilíbrios dentro da instituição a favor dos estados mais populosos: “por exemplo, enquanto a Alemanha passará a pesar 16,75% do total dos 27, o dobro dos 8,4% que tem hoje com o sistema de votos ponderados, Portugal passará de 3,74% para 2,14%.”

Sócrates respondeu que se trata de uma "questão de talento" para negociar. Classificou as perdas de marginais, rejeitando que Portugal "se deixe condenar à irrelevância institucional dentro da União".

Há ou não perda de peso? Os federalistas que se cheguem à frente.


uma psicose de Margarida Balseiro Lopes às 17:18
link directo | psicomentar | psicomentaram (12)

O júri disse...


"Tendo em consideração uma tão rica e vasta actividade de tradutor, que contribuiu de forma especial para a divulgação, em Portugal e nos países lusófonos, das mais marcantes obras da literatura italiana, em versões de alta qualidade estética e de escrupuloso respeito pelos originais, o júri decidiu conferir unanimemente a Vasco Graça Moura o Prémio Nacional 2007"


uma psicose de Tiago Sousa Dias às 14:34
link directo | psicomentar | psicomentaram (13)

Terça-feira, 15 de Abril de 2008
Il Cavaliere de regresso



Berlusconi venceu as eleições legislativas!

Está de volta o Primeiro-Ministro que durou mais tempo desde a 2ª Guerra Mundial!

Como se percebe, em política não há mortes anunciadas...um exemplo para o Mundo! e Portugal!!!

uma psicose de Diogo Agostinho às 08:28
link directo | psicomentar | psicomentaram (20)

Segunda-feira, 14 de Abril de 2008
Está na hora de pedir Perdão
O Papa Bento XVI vai pela primeira vez aos Estados Unidos da América.
Vai visitar uma América que recentemente se viu escandalizada com o caso do Reverendo/Pastor/whatever/já reformado Wright, mentor espiritual de Barak Obama. Vai visitar uma América onde vai condenar a tortura. Vai visitar uma América que tem as mais recentes medidas de segurança para proteger o representante de Deus na terra. Vai discurssar nas Nações Unidas.
Vai visitar uma América que tem visto vir a lume cerca de 10 mil padres católicos pedófilos em casos chocantes que têm vindo a ser ESCANDALOSAMENTE encobertos pela hierarquia eclesiástica. Uma América que já viu mais de mil milhões de euros em indemnizações para as vitimas. Uma América onde as Dioceses têm apólices de seguros com coberturas para crimes desta natureza. Uma América onde ainda há uma semana foi desmantelado um culto que incluía crianças...

Eu vejo ou oiço o Bill Maher todas as semanas. É divertido. É reaccionário. Mas há coisas que diz que me deixam chocado. Mas vejam isto (2:59), que me deixou extremamente incomodado. Mas tem razão? Parece que sim...



Desejo sinceramente que a Igreja Católica não espere anos para pedir Perdão a todas as vítimas. E que também se tenha a verdadeira noção que não é apenas na América que estas porcarias se passam...

Eu sou Católico. Andei na Catequese. Não vou à Missa. Falo com Deus todos os dias.

uma psicose de jfd às 09:25
link directo | psicomentar | psicomentaram (68)

Sexta-feira, 11 de Abril de 2008
Proíbam as pipocas no cinema


Inúmeras vantagens são apresentadas diariamente para a utilização de energias alternativas, desde a possibilidade de renovação destas vs. energias não renováveis, até à necessidade de substituição da infraestrutura económica vigente baseada num combustível que caminha a passos largos para o seu fim, o óleo de rocha, vulgo petra oleum, mais conhecido por petróleo.

Mas o ditado "nem só de pão vive um homem" está a ser reponderado devido às energias alternativas. Na conferência de imprensa de aberturta do encontro de Primavera 2008 do Banco Mundial-FMI, o Presidente do Banco Mundial, Robert Zoellick chamou a atenção para um relatório deste organismo que atribui parte do aumento que se registou no preço dos bens alimentares essenciais, cerca de 48% desde 2006, à quota parte da produção que está a ser aproveitada para a produção de biocombustível.

Se pensarmos que, como assinala o supra citado relatório, "The grain required to fill the tank of a sports utility vehicle with ethanol (240 kilograms of maize for 100liters of ethanol) could feed one person for a year", não se torna complicado ver o possível problema que aqui temos.

Será que a sinfonia da energia só se toca com flauta, de forma a que mal tapamos um buraco, destapamos logo outro?



uma psicose de José Pedro Salgado às 11:29
link directo | psicomentar | psicomentaram (21)

Quinta-feira, 10 de Abril de 2008
Que maltinha!

O Jardim Zoológico de Nuremberga apresentou (e bem!) aos jornalistas o urso Flocke enquanto alguns ambientalistas protestavam contra a manutenção em cativeiro destes animais selvagens.

Fico doente! Será que a função de preservação, defesa, estudo e divulgação de espécies animais desempenhada pelos Zoos passou a ser contra-natura?

Contra-natura é ter cérebro e não o usar!


uma psicose de Paulo Colaço às 15:29
link directo | psicomentar | psicomentaram (18)

Quem é o infractor?

"Não vou pedir eleições, nem fazer guerrilha interna contra o Dr. Menezes. Não contribuo para a ingovernabilidade. Essas iniciativas só beneficiam o infractor.", Pedro Passos Coelho dixit.


uma psicose de Paulo Colaço às 13:10
link directo | psicomentar | psicomentaram (17)

Quarta-feira, 9 de Abril de 2008
GRITA COMANDOS!!!

Hoje assinalamos os 90 anos do início da Batalha de La Lys, confronto militar em que tropas alemãs esmagaram uma divisão portuguesa, no âmbito da I Guerra Mundial.

Em apenas 4 horas perdemos cerca de 7.500 homens. Os especialistas falam em maior derrota portuguesa desde Alcácer-Quibir, 340 anos antes.

De lá para cá soubemos livrar-nos da II Guerra Mundial mas mergulhámos na Guerra Colonial: a sensatez seguida do disparate!

Actualmente posicionamo-nos ao lado dos aliados clássicos, embora com muita contenção.

Pergunto: tem havido coerência na nossa política bélica? Que rumo e que futuro para as Forças Armadas Portuguesas?


uma psicose de Paulo Colaço às 02:58
link directo | psicomentar | psicomentaram (21)

Segunda-feira, 7 de Abril de 2008
Diário de Bruxelas 1



Pois bem, após tantas solicitações e sentindo cumprir um dever para com os que me seguirão, aqui vão umas pequenas palavras sobre o estágio:
- Trabalho - As nossas funções aqui são extremamente abrangentes. Para terem uma ideia, estou no gabinete do Dr. Vasco Graça Moura, como assistente do Dr. Silva Peneda e na ITRE ( comissão para a Indústria, Tecnologia, Investigação e Energia que além destas matérias abrage tudo o que envolva PME´s). Além disto, fazemos tudo o que for trabalho do GEPSD. Seria dificil explicar detalhadamente o que fazemos, mas de uma forma genérica o objectivo é preparar tudo para os eurodeputados. Um eurodeputado da área da Energia não acompanha todos os trabalhos da Comissão do Mercado Interno. Ora, para isso existe um assistente que faz esse trabalho de acompanhamento para que politicamente a matéria não seja esquecida e o voto em Plenário seja esclarecido. Debates, discursos, papers, investigação, newsletters, conferências tudo isto está no âmbito funcional do que aqui fazemos.

Mas a abrangência não vem só das funções mas sobretudo do âmbito material.

Uma comissão pode intervir no processo legislativo a titulo principal, aprovando um relatório para votação em plenário, ou a titulo secundário, aprovando pareceres. Ou seja, se uma matéria relativa à saúde implicar subvenções estaduais ao uso de novas tecnologias em métodos cientificos, potencialmente essa matéria também vai cair no âmbito da ITRE apesar de aparentemente nada ter que ver com a minha comissão.Por outro lado, o nível politico aqui é muito mais elaborado e "americanizado". Tudo conta, desde os aspectos técnicos, à oportunidade, ao interesse nacional que tantas vezes colide com o interesse do Grupo Politico Europeu ou mesmo ao interesse regional que pode mesmo levar um eurodeputado a contrariar o Grupo Europeu do um partido nacional a votar sózinho contra este Grupo e contra o Grupo Europeu.Depois devemos sempre contar com os lobbistas que tantas dores de cabeça (parece) que dão mas ao mesmo tempo tão úteis podem ser quando um assistente jurista tem que fazer um briefing sobre dividendos virtuais... :)
O Social.

Estou em Portugal mas há aqui muitos estrangeiros... É a sensação com que se fica porque existem imensos tugas por aqui e ainda por cima andamos sempre juntos. Deve ser este o espirito emigrante que tanto se fala. Cafés, restaurantes portugueses não faltam, festas de tugas são comuns e há sempre programa para os tempos livres.Já estamos na selecção nacional e no nosso primeiro jogo ganhamos 5-3 à Eslovénia. Eu saí lesionado depois de um pisão.... de um companheiro de equipa hehehe.
Ao mesmo tempo não se sente coisa nenhuma a história de sermos os pobres europeus. Somos iguais a todos os outros. Talvez eu tenha o pensamento viciado pelo facto de estar no meio de dois eurodeputados com um prestígio gigante (João de Deus Pinheiro e Carlos Coelho), mas a verdade é que isso não se sente minimamente, apesar de tudo mantenho a reserva de estar aqui há pouco tempo.
Aliás, na conferência sobre a Tortura em que participou Carlos Coelho, a organização foi práticamente toda feita por nós, com um beverete, serviço de tradução, vídeo, 2 rondas de café, acreditação prévia para não por ninguém nas filas de espera tudo impecável. As colegas da organização da IHRC (uma dinamarquesa e uma inglesa) fartaram-se de agradecer e disseram que estavam perdidas de alegria porque nunca tinham tido tanta atenção por parte de uma organização e sobretudo porque nada falhou.
Portugal é bem visto.


uma psicose de Tiago Sousa Dias às 09:11
link directo | psicomentar | psicomentaram (29)

Domingo, 6 de Abril de 2008
1 imagem 1000 emoções


uma psicose de Tiago Sousa Dias às 15:27
link directo | psicomentar | psicomentaram (19)

Quinta-feira, 3 de Abril de 2008
Jorge Coelho novo Presidente da Mota-Engil
O herói das bases do PS troca política por negócios.

Aquele que foi durante anos o Grande senhor do Partido Socialista, coordenador de todas as campanhas, actividades e contactos, avançou para a Presidência da Construtora Mota-Engil.

Em declarações aos órgãos de comunicação social, assume que não é rico!

Que benefícios terá a Mota-Engil com esta nomeação? Será Jorge Coelho um visionário em Obras e Construção Civil? Não foi Jorge Coelho o Ministro à data da queda da Ponte de Entre-os-rios?

Ou será que os contactos do seu telemóvel valem ouro?



uma psicose de Diogo Agostinho às 09:40
link directo | psicomentar | psicomentaram (20)

Quarta-feira, 2 de Abril de 2008
Queda do dinossauro

Após 28 anos de liderança no poder, Robert Mugabe pode estar a cair.



As eleições realizadas ditaram a derrota do seu partido no Parlamento.

Primeira derrota


Pode perder a eleição presidencial já na primeira volta.Segunda derrota


Será que é desta vez? É o poder eleitoral que determinou a sua derrota?







uma psicose de Francisco Castelo Branco às 20:29
link directo | psicomentar | psicomentaram (8)

Tributo

Hoje, dia 2 de Abril, é o Dia Internacional do Livro Infanto-Juvenil.
E que tal agradecer aos autores que fizeram as minhas delícias há uns 20 anos atrás?

Forem eles, sobretudo, a Enid Blyton, que escreveu as aventuras dos “Cinco”, o Júlio Verne e as suas páginas extraordinárias, e as lusas Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada, com a colecção “Uma aventura”. Para não falar nos incontornáveis da BD (Disney em grande medida).

Pelo meio, li imenso Allan Poe, Conan Doyle, Agatha Christie e tantos outros, mas esses “não eram para a minha idade” ehehe!

E os Psicóticos e Psico-Amigos prestam tributo a quem?


uma psicose de Paulo Colaço às 17:30
link directo | psicomentar | psicomentaram (19)

O seu a seu dono!
Apenas a noticia, com o meu comentário: "Finalmente!!!"

in http://tsf.sapo.pt/online/vida/interior.asp?id_artigo=TSF190233
Governo quer criminalizar proprietários
O Governo vai apresentar um pedido de autorização legislativa para que os donos dos cães perigosos sejam criminalizados pelos ataques desses animais. Algumas associações de animais já consideraram a medida positiva.
( 12:06 / 02 de Abril 08 )
O ministro da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas anunciou, esta quarta-feira, no Parlamento, que o Governo vai apresentar um pedido de autorização legislativa para que os donos dos cães perigosos sejam criminalizados pelos ataques desses animais.«Vamos pedir a criminalização», que não será «abstracta e genérica», mas sim «criteriosa», para os «ilícitos de quem possui cães de ataques e que, por incitamento ou negligência, tem como consequências injúrias físicas, e a morte, nos cidadãos destes país», disse.Jaime Silva acrescentou que será feito um «pedido de autorização legislativa», porque o Governo quer «legislar em colaboração com a Assembleia e com o seu comité especialista em termos jurídicos».
Numa reacção às intenções do Governo, Bruno Francisco, da Associação PitBull Oeste, disse à TSF que concorda com o princípio, mas alerta que é necessário conhecer as especificidades da lei que o Executivo vai propor. «Caberá a quem faz as leis avaliar qual é a punição a aplicar» ao proprietário de um cão perigoso que ataque uma pessoa, porque «evidentemente não se pode assumir à partida que a pessoa cometeu um homicídio, pelo menos de forma voluntariosa», disse.Bruno Francisco alertou para a necessidade de considerar, em todos os casos, que «tipo de condicionamento ou treino foi dado ao animal» e o que poderá ter levado ao incidente.Para o presidente da Associação Amigo do Rottweiler, esta medida é «inteligente», tendo em conta que permitirá alcançar um «objectivo paralelo», a «redução da procura de raças» consideradas perigosas.«As pessoas vão certamente sentir-se mais responsabilizadas e pensar duas vezes antes de adquirir um cão dessas mesmas raças», afirmou Cláudio Nogueira.
Opiniões?!?!


uma psicose de jfd às 13:13
link directo | psicomentar | psicomentaram (9)

Terça-feira, 1 de Abril de 2008
Governo Sim Podemos!
Governo Ps prepara-se para lançar uma campanha diferente.
Em jeito da campanha de Obama nos EUA, o PS prepara "uma campanha positiva para Portugal com o fim de elevar a moral".

É caso para se dizer, Yes We Can

O video clip, já em fase de pós produção, está a dias de ser lançado em videos.sapo.pt.


E esta hein?!?!?!
O PS realmente domina a máquina da comunicação...
Vamos ver o resultado, estou ansioso!
Vergonhosamente, ansioso :(


uma psicose de jfd às 14:02
link directo | psicomentar | psicomentaram (12)

Notícias
Psico-Social

Psico-Destaques
Psicóticos
Arquivo

Leituras
tags
Subscrever feeds
Disclaimer
1- As declarações aqui pres-tadas são da exclusiva respon-sabilidade do respectivo autor.
2 - O Psicolaranja não se responsabiliza pelas declarações de terceiros produzidas neste espaço de debate.
3 - Quaisquer declarações produzidas que constituam ou possam constituir crime de qualquer natureza ou que, por qualquer motivo, possam ser consideradas ofensivas ao bom nome ou integridade de alguém pertencente ou não a este Blog são da exclusiva responsabilida-de de quem as produz, reser-vando-se o Conselho Editorial do Psicolaranja o direito de eliminar o comentário no caso de tais declarações se traduzirem por si só ou por indiciação, na prática de um ilícito criminal ou de outra natureza.